31 Felicidade e da tristeza

Partilhar

O conceito que nós temos da felicidade e da tristeza, está mais para um “engano”, do que para uma verdade.

Se exigirmos tudo o que queremos, poucas vezes na vida seremos felizes. Se reconhecermos tudo o que recebemos quando queremos e também o que recebemos quando não queremos mas precisamos, então seremos duas vezes mais felizes.

O que buscamos na vida, é sempre a felicidade, e ela está sempre no fim de uma estrada, muitas vezes difícil e bastante longa. Mas para recebermos o “prêmio” que queremos, enfrentamos a caminhada, e por mais breve que seja a felicidade, sempre vale a pena a dura jornada.

Contudo, o percorrer da estrada, sempre muda as pessoas, e ao receberem o prêmio, elas já não são mais as mesmas pessoas, e o prêmio tão almejado, deixa de ter o valor que tinha antes.

Muitos concordam, que depois daquela dura e muitas vezes longa estrada, o que mais lhes trouxe a felicidade, não foi exatamente em ter alcançado o prêmio, mas em ter se conhecido melhor, após terem tido de enfrentar os seus próprios medos.

É muito comum encontrarmos as pessoas contando casos da vida, não sobre quando foram felizes, mas sobre como foram os seus desafios que, apesar do medo e despreparo, ainda assim enfrentaram e venceram. E ouvindo isto, fica claro no rosto de quem conta, que foi nos momentos de dúvida, tristeza, solidão, abandono e fraqueza, onde escolheram enfrentar, mesmo que perdessem, foi onde conheceram algo em si próprios que nunca tinham visto antes, e nisto, encontraram a felicidade.

A verdadeira felicidade é para sempre, é interior.

5 1 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
1 Comment
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Recent Comments
Password must be at least 7 characters long.
Password must be at least 7 characters long.
GDPR Cookie Consent with Real Cookie Banner